Pesquisar este blog

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Ginástica Artística


A ginástica artística, também conhecida como ginástica olimpíca é um esporte que requer força, agilidade, coordenação, controle do corpo, flexibilidade, equilíbrio e elegância. Os ginastas realizam exercicios em aparelhos oficiais.

Os aparelhos de ginástica femininos são:

Trave – os movimentos são executados em um espaço estreito. Tem as seguintes medidas: 10 cm de largura e 5 metros de comprimento.
Solo – exercícios realizados no solo tem fundo musical, sendo que os movimentos mais comuns são os saltos mortais e twist. O espaço é de 12 m².

Barras assimétricas – nas barras, é considerado o movimento ao passar de uma barra para a outra e os saltos, como os encarpados e os mortais. As medidas das barras são: 2,45 m e 1,65 m de altura.

Salto sobre o cavalo – antes de pular sobre o cavalo, que tem 1,25 m, o atleta pode tomar impulso correndo de uma distância de 25 m, no máximo.

Na ginástica olímpica masculina, as modalidades solo e salto sobre o cavalo também são disputadas, mas com uma diferença: o cavalo tem 1,35 m de altura. Os aparelhos de ginástica masculinos são:

Barra fixa – na barra fixa, ao executar os movimentos, o atleta deixa de tocar o aparelho, sendo os saltos mais comuns os mortais ou encarpados. A barra tem 2,75 cm de altura e 2.40 cm de comprimento.

Barras paralelas – é obrigatório realizar movimento no ar, sem nenhuma das mãos no aparelho. A altura é de 1,75 m

Cavalo com alças – no cavalo com alças, só é permitido tocar o aparelho com as mãos. Os movimentos devem ser contínuos, de tesouras e de círculo. Os cavalos têm as seguintes medidas: 1,6 m de comprimento e 1,05 m de altura.

Argolas – nas argolas o atleta deve ficar no mínimo dois segundos imóvel, em uma posição horizontal ou vertical.

O alemão Frederic Louis Jahn é chamado de pai da ginástica olímpica. Foi ele quem observou os movimentos em um circo e deu valor a aqueles movimentos, que serviram de base para a atual ginástica artística.

Futebol de salão


Futebol de salão (também referido pelo acrônimo futsal) é o futebol adaptado para prática em uma quadra esportiva por times de cinco jogadores. As equipes, tal como no futebol, têm como objetivo colocar a bola na meta adversária, definida por dois postes verticais limitados pela altura por uma trave horizontal. Quando tal objetivo é alcançado, diz-se que um gol foi marcado, e um ponto é adicionado à equipe que o atingiu. O goleiro, último jogador responsável por evitar o gol, é o único autorizado a segurar a bola com as mãos. A partida é ganha pela equipe que marcar o maior número de gols em 40 minutos divididos em dois tempos.

Devido às proporções da área de jogo, o menor número de jogadores e a facilidade em que se pode jogar uma partida, o futsal já é considerado por muitos como o esporte mais praticado do Brasil, superando o futebol que ainda assim é o mais popular.[1]

A rigor, existem duas modalidades do esporte, sendo uma delas a mais antiga, estabelecida quando a Federação Internacional de Futebol de Salão ou futsal de quadra (FIFUSA) regulamentava a prática do esporte e por isso conhecida como futebol de salão-FIFUSA e a outra, estabelecida sob a regulamentação da FIFA, conhecida como futsal (embora esse termo atualmente denomine indistintamente a prática do esporte nas duas versões). As diferenças limitam-se a algumas poucas regras, mas que acabam influenciando sensivelmente a dinâmica e a plástica do jogo.

Futsal e futebol de salão

A respeito das divergências históricas, futebol de salão e futsal são essencialmente o mesmo esporte, especialmente quando se leva em conta que as diferenças, nem sempre tão evidentes a primeira vista, acabam sendo ainda mais embaralhadas pelo emaranhado processo histórico que envolveu o cisma no esporte e pela prática comum nos círculos do esporte.

O próprio termo futsal foi originalmente cunhado pela FIFUSA em reação à proibição da FIFA de se usar o nome futebol por entidades que não ela própria. No entanto, acabou sendo adotado pela própria FIFA, tornando-se assim associado à forma que o esporte adquiriu sob a autoridade desta entidade.

O futsal, em sua forma mais difundida hoje é administrado no Brasil pela Confederação Brasileira de Futebol de Salão, em Portugal pela Federação Portuguesa de Futebol e mundialmente pela FIFA. O futebol de salão-FIFUSA, por sua vez, tem como federação nacional a Confederação Nacional de Futebol de Salão e é organizado mundialmente pela Associação Mundial de Futsal (AMF), cuja sede situa-se no Paraguai.

Embora mantenham em comum sua essência, a criação de algumas regras diferenciadas criou peculiaridades em cada uma das modalidades: o futsal, com uma bola mais leve e com a valorização do uso dos pés adquiriu maior semelhança com o futebol de campo e ganhou maior dinâmica com novas regras que o tornaram mais ágil, como por exemplo, permitir que o goleiro atue como um jogador de linha quando ele está fora da sua área; o futebol de salão, buscando sempre preservar as regras originais, manteve mais as características de um esporte indoor, com um jogo mais no chão, reduzindo o jogo aéreo, devido ao peso da bola, com laterais e escanteios cobrados com as mãos para maior controle e limitações à movimentação tanto do goleiro, restritos à sua área, como dos demais jogadores. Dessa forma, a dinâmica do jogo em uma e outra modalidade tornou-se sensivelmente diferenciada. O fato de pertencerem a entidades diferentes, por certo deverá, com o passar do tempo, demarcar modalidades diferenciadas.

No aspecto dos agrupamentos políticos em torno do esporte, até meados da década de 80 o futebol de salão era administrado por uma entidade independente da FIFA, chamada Federação Internacional de Futebol de Salão ou simplesmente FIFUSA, com sede no Brasil. Posteriormente houve um acordo para a fusão das duas entidades, mas por motivos políticos o acordo não vingou e enquanto a FIFA passou a congregar as principais federações nacionais, a FIFUSA congregou pequenas federações e criou novas como a Confederação Nacional de Futebol de Salão, já que a Confederação Brasileira de Futebol de Salão se filiou à FIFA; com isso a FIFA alterou o nome para futsal e criou as novas regras para o esporte, organizando os campeonatos mundiais da modalidade. À FIFUSA coube manter o esporte com o nome anterior e até mesmo com as mesmas regras, salvo pequenas alterações. A Confederação Brasileira realiza anualmente as disputas da Liga Brasileira de Futsal. O Rio Grande do Sul é o estado mais bem sucedido com oito títulos e sete vice-campeonatos.

Fundamentos

  • Passe: É quando você passa a bola para um companheiro de seu time.
  • Drible: É o ato que você usa a bola para enganar do adversário, deixando-o para trás.
  • Cabeceio: É a ação de cabecear a bola quando é de defesa muito alta.
  • Chute: É a ação de chutar a bola, estando ela parada ou em movimento, visando dar a ela uma trajetória em direção a um objetivo, seja este o gol, outro jogador ou tirá-la de jogo (existem varias formas de chute).
  • Recepção: É a ação de interromper a trajetória da bola vinda de passes ou arremessos.
  • Condução: É a ação de progredir com a bola por todos os espaços possíveis de jogo.
  • Domínio de bola: como no futebol você usa os pés para dominar a bola.

Categorias

Em função da idade o futebol de salão costuma ser dividido nas seguintes categorias:

  • Sub-9 para atletas de 5 a 9 anos.
  • Sub-11 para atletas de 10 a 11 anos.
  • Sub-13 para atletas de 12 a 13 anos.
  • Sub-15 para atletas de 14 a 15 anos.
  • Sub-17 para atletas de 16 a 17 anos.
  • Adulto para atletas de 18 a 39 anos.
  • Sênior para atletas a partir dos quarenta anos.

Posições dos jogadores no futsal

Muito parecido com o futebol, o futsal apresenta quatro posições principais, que são:

  • Goleiro/Guarda-Redes - defende o gol/golo de todos os ataques do adversário e também pode atacar
  • Fixo - defensor, semelhante ao zagueiro
  • Ala (esquerdo e direito) - Conduzem o jogo na lateral da quadra/do campo
  • Pivô - Atacante, O Que fica mais proximo do gol adversário

sábado, 9 de outubro de 2010


O Handebol é, sem dúvida, o esporte coletivo menos praticado no Brasil, se comparado ao Voleibol, ao Basquetebol e ao Futebol. A diferença mais significativa entre o futebol e o handebol é que o handebol é jogado com as mãos. Em termos gerais, é um esporte com bola, em que duas equipes disputam quem marca mais gols. Curiosamente, nós brasileiros, que adoramos gols, não apresentamos grande interesse pelo handebol. Talvez por ser um esporte que não é transmitido nem pela televisão e nem pelo rádio. Então, onde é que descobrimos como praticar o handebol? A resposta é simples: nas aulas de Educação Física (ainda que alguns professores insistam em não ensinar) e em alguns clubes. Agora a pergunta principal: como se joga? - São necessárias duas equipes de sete jogadores, da qual um é o goleiro. O goleiro, durante suas defesas, é o único jogador que pode encostar a bola no pé. Em qualquer outro caso, a bola deverá ser quicada, arremessada ou recebida com as mãos; - A bola oficial para a prática do Handebol deve ser de couro e sua massa e tamanho variam conforme os sexos: a masculina é uma bola maior, medindo entre 58 cm e 60 cm de diâmetro, com massa entre 425g e 475g. A feminina tem tamanho entre 54 cm e 56 cm, e massa entre 325g e 400g; - Oficialmente, a quadra deve medir 40 m x 20 m, e ter piso de madeira ou emborrachado, com duas áreas para goleiro que se localizam a seis metros do gol; - A partida é composta por dois períodos de 30 minutos cada, com intervalo de 10 minutos; - O ato de um jogador se deslocar quicando a bola é chamado de drible. A mão do jogador deve estar sempre aberta para que tenha um melhor domínio sobre a bola e, ao contrário do basquetebol, não é permitido conduzir a bola durante o drible. Além disso, o jogador não pode segurar a bola por mais de três segundos ou dar mais de três passos com ela; - O tronco pode ser utilizado para interromper o andamento do adversário, mas braços e mãos nunca; - É permitido tomar a bola do adversário com as mãos abertas. Porém, arrancar a bola ou agredir o adversário é contra as regras; - O time marca ponto quando a bola ultrapassar totalmente a linha do gol; - Quando a bola cruzar a linha lateral, é cobrado o tiro lateral: o atleta pisa com um pé na linha e, com a bola em mãos, recoloca-a em jogo. Nesse caso, os oponentes devem se localizar a, no mínimo, três metros de distância; - Ao ocorrer qualquer lance irregular, a cobrança é feita no local onde ocorreu a infração. O time adversário pode formar uma barreira, desde que ela se posicione a três metros da cobrança. Uma curiosidade é que as faltas podem ser cobradas sem o apito do árbitro. Aliás, são dois árbitros por jogo, auxiliados por um cronometrista e um secretário responsável pela súmula; - O famoso tiro de sete metros é caracterizado pela falta sobre um atacante, quando esse, ao arremessar a bola ao gol, é impedido por uma falta. Para essa cobrança, o árbitro deve apitar, autorizando a jogada. O jogador que executará o tiro deve cuidar para que seus pés não toquem ou ultrapassem a linha de marcação dos sete metros. Ainda que no Brasil não haja quadras específicas para a prática do handebol, pode-se utilizar a do futebol de salão sem nenhum prejuízo, já que suas dimensões são as mesmas. Além do handebol de salão – mais tradicional – tornou-se comum, em alguns países, a prática recreativa do handebol na praia, que ficou bastante famoso em meados da década de 80 do século XX

O basquetebol é um esporte altamente popular nos Estados Unidos. Aqui no Brasil, nós temos vários atletas de expressão que deixaram suas marcas não apenas aqui em nosso país, mas que também ficaram mundialmente conhecidos, como é o caso de Hortência, Paula, Janeth e Oscar Schmidt. Mas, infelizmente, esse esporte não tem aceitação popular em nosso país, de modo que sua prática se restringe às escolas e aos clubes, como ocorre com o handebol.

Afirma-se que o basquete foi criado em 1891 por Names Naismith, um pastor presbiteriano que era professor de Educação Física na Associação Cristã de Moços (ACM) de Springfield, Massachusetts, nos Estados Unidos. Conta-se que um grupo de alunos, impedidos de praticarem esportes ao ar livre devido ao frio, pediu para que o professor criasse um jogo coletivo que pudesse ser praticado em locais fechados. Como resposta ao pedido, Naismith dividiu os alunos em dois times, combinou que os alunos só poderiam andar com a bola desde que a batessem no chão e definiu o objetivo: ganhava o jogo o time que acertasse mais vezes a bola ao cesto. Conta-se que no início, todas as vezes que a bola era acertada no cesto, precisavam pegá-la com o auxílio de uma escada. Só mais tarde alguém teve a ideia de cortar o fundo da cesta, fazendo com que a bola caísse de volta à quadra. As regras foram oficializadas, primeiro no próprio clube, no boletim da ACM em 1892, e mais tarde em 1932, com a fundação da Federação Internacional de Basquete Amador (FIBA).

Oficialmente, as medidas da quadra de basquete têm as dimensões de, no mínimo, 26m de comprimento por 14m de largura. As cestas devem ficar fixadas em estruturas a 3,05m de distância do chão e localizadas nas extremidades da quadra. As partidas têm a duração de quatro tempos de 10 minutos, com exceção do campeonato estadunidense (NBA), em que os tempos duram 12 minutos.

A marcação de pontos do basquetebol se difere dos outros esportes: no futebol, no handebol e no voleibol, qualquer marcação soma um ponto à equipe. Não é assim no basquete: arremessos feitos em situação de lances-livre valem um ponto; cestas em condições normais de jogo somam dois pontos; e, quando o arremesso é executado antes da linha situada a 6,2m da cesta, o time ganha três pontos (por isso, essa linha também é conhecida como linha dos três).

Como já foi dito, o jogador só pode andar com a bola, quicando-a (batendo-a no chão). Por isso, considera-se falta quando: a) o jogador der mais de dois passos sem bater a bola; b) segurá-la por mais de cinco segundos sem arremessá-la, seja para a cesta ou para outro jogador de sua equipe; c) ficar mais de três segundos dentro do garrafão ou tocar no braço e na mão de quem estiver com a bola.

Para finalizar, serão elencados a seguir os fundamentos do basquetebol:

- Jump: é um tipo de arremesso feito a partir de um salto. Isso ocorre para dificultar que o marcador impeça o lance;

- Bandeja: esse arremesso é executado correndo em direção à cesta;

- Rebotes: quando se erra um arremesso, há a oportunidade de reaver a bola para sua equipe: isso é chamado de rebote;

- Fintas: são os movimentos que os jogadores fazem com a bola, cujo objetivo é o de enganar o adversário.

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Avaliação bimentral

You answered 10 tasks out of 10 correctly.
That's 100%.
Your results:


1) He played handball. - He did not play handball.
2) Susan waited in the kitchen. - Susan did not wait in the kitchen.
3) I made the beds. - I did not make the beds.
4) They cleaned the classroom. - They did not clean the classroom.
5) She asked a lot of questions. - She did not ask a lot of questions.
6) The friends got new computers. - The friends did not get new computers.
7) I was in Sofia last weekend. - I was not in Sofia last weekend.
8) You built a house. - You did not build a house.
9) Christian bought a new guitar. - Christian did not buy a new guitar.
10) We went shopping. - We did not go shopping.

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

PROGRAMA DE AÇÃO OU PLANO DE AÇÃO

Fco.Robson Gaspar Paiva
E.E.E.P Governador Luiz de Gonzaga Mota
1°ANO A° DE enfermagem
PROGRAMA DE AÇÃO OU PLANO DE AÇÃO


1.Definição do negócio:
nada resume melhor o negócio q essa palavras ´´A melhor pessoa do mundo no no cargo ou negócio ,errado ainda tem chance. Mas o melhor negócio nas mãos da pessoa errada ,não a nenhuma chance.´´
O negócio nada mais é que realizar uma missão de uma empresa ou do próprio individuo.
2°Negócio:
medicina (cirurgião,enfermagem e na aria de anestesia)
3°filosofia do negocio
termina meu curso de enfermagem e entra na facudade de UFC
4°emfoque ou prioridade
meforma em medicina e ajudar masimo de pessoas q poder
5°postura
organizado e comrepeito ,tentando subir masimo q poder
6°diretrizes e estrategias
farei posivel e meesforçarei pra comsequir oq quero comtando com ajuda dos meus amigos

quarta-feira, 26 de maio de 2010

♫ Cherry Blossoms

quarta-feira, 5 de maio de 2010

SAINTJOHN´S








Capital:Saintjohn´s.
Ligua Oficial:
Inglê.
Governo:
Monarquio constitucional parlamental.
Chefe de estado:Isabel2°.
Governador-Geral:
Louise lake-tack.
Primeiro-mMnitro:Baldwir spencer.
Area Total:
280KM².
População:
Estimativa de 2008 84,552AHB.Densidade 18AHB. paraKM².
Economia:
Estimativa de $$1,527BILHÃO.Total $$18,392.Per capital $$13,079.
Indicadores Sociais:
O IDAH(2007)de VIDA:74,76 em 3anos.MORT.INFANTIL:16,25 de4para mil NASC.
Moeda:
Dolar do Caribe Oriental.
Fuso Horario:
AST(UTC-4).
Cidade Mais Populosa:
saint John´s.
Religiões Majoritarias:
São a Anglicana(44%),Prostestante(41%),Catolica(10%).
OBS:ALFABETIZAÇÃO(99%).

segunda-feira, 19 de abril de 2010

paleolitico


pintur rupestre


Caverna de Lascaux - França






outros aspecto que chama minha atemçao au observa as pinturas rupestre,as imagem que representam animais temidos estao cheias de traços que revelam força e movimentos.estão representam as ferras, mas nas imagens que representam renas e cavalos , os traços revala leveza e fragilidade, asim seus criadores interpreta a naturaza.

sexta-feira, 16 de abril de 2010

  • Sedimentação

A sedimentação é um processo de separação de misturas heterogêneas, aquelas que aprentam mais de uma fase (por exemplo, água misturada com areia). Ela consiste em deixar a gravidade atrair para o fundo do recipiente a substância mais pesada, e as mais leve vão ficando na parte de cima. Quando as partículas das substâncias são muito pequenas, vão demorar muito para se sedimentar. Para acelerar o processo, foi criada a centrífuga, onde coloca-se as substâncias dentro do equipamento, que vai girar em altas rotações, fazendo a parte mais densa se acumular no fundo. Este processo é bastante utilizado em exames de sangue, para separar o sangue do plasma.


  • Decantação

A decantação é um processo de separação de misturas heterogêneas, principalmente de misturas compostas por líquidos (imiscíveis ou não (que não se misturam)). O recipiente contendo as substâncias é inclinado, derramando a substância mais leve (que fica em cima), em outro recipiente.

Um processo mais eficiente seria utilizando um sifão ou o funil de bromo.

  • Sifonação

Um canudo é colocado de forma que fique uma ponta em um recipiente vazio, e a outra, no meio da substância mais leve no outro recipiente, como mostrado na figura abaixo:

  • Funil de bromo

O funil de bromo é um recipiente de vidro em forma de balão, com uma abertura em cima e uma torneira em baixo. A mistura dos líquidos imiscíveis é colocada no balão, e um béquer fica em baixo da torneira. A torneira é aberta, e o líquido mais denso (que fica em baixo) vai escorrer para o béquer através da torneira.


  • Tamisação

A tamisação ou peneiração, como é mais conhecido, é um processo de separação de mistura sólidas, onde os sólidos têm dimensões diferentes e é usada também para desfazer aglomerados de alguma substância que está aglumerada por algum motivo.

A peneiração é feito com uma peneira, também chamada de tamises. Este processo é muito usado na fabricação de medicamentos manipulados, em construções civis onde o pedreiro separa a areia das sujeiras (pedras, folhas, etc.), para desfazer aglomerados da farinha de trigo antes de preparar um bolo e em vários outros lugares.

  • Centrifugação (misturas heterogéneas)

Quando numa mistura de sólidos e líquidos, os sólidos possuem uma dimensão muito pequena, não são úteis nem a filtragem nem a decantação. O pequeno tamanho das partículas sólidas provoca uma obstrução dos poros do filtro, tornando a filtragem muito lenta mesmo que se produza vácuo por meio de uma bomba no interior do recipiente, para acelerar a filtragem. Por outro lado, a pequena dimensão das partículas faz com que sejam retidas pelo líquido, de modo que podem demorar muito tempo a depositar-se no fundo do recipiente, tornando ineficaz a decantação. Neste caso, introduz-se a mistura em tubos de ensaio que, colocados numa centrifugadora, giram em posição quase horizontal a grande velocidade, aumentando assim a rapidez com que se deposita o sólido compactado no fundo do tubo. Verte-se o líquido que sobrenada e fica completa a separação.

  • Centrifugação manual – Existem centrifugadoras industriais de grande valia e eficácia que giram a mais de 20.000 rotações por minuto mas, nos laboratórios continuam a utilizar-se pequenas centrifugadoras que, pelo seu baixo preço e fácil manejo, servem para trabalhos simples que não necessitam de altas velocidades nem de muitos minutos de centrifugação.

  • Separação magnética (misturas heterogéneas)

Trata-se de um método de separação específico das misturas com um componente ferromagnético como o cobalto, o níquel e, principalmente, o ferro. Estes materiais são extraídos pelos ímanes, fenómeno que se pode aplicar para reter as suas partículas ou para desviar a sua queda.

  • Destilação (misturas homogéneas)

A destilação é eficaz na separação de dois ou mais líquidos solúveis entre si. Cada líquido possui uma temperatura de ebulição própria. Os líquidos podem ser separados por meio de um destilador. Ferve-se uma solução formada por líquidos num destilador, sendo a primeira fracção de líquido que se recolhe a que corresponde ao líquido mais volátil, dado que foi o primeiro a entrar em ebulição. Pode utilizar-se eficazmente sempre que os líquidos misturados ou dissolvidos não possuam temperaturas de ebulição muito parecidas. Em caso contrário é preciso utilizar destilações muito mais complexas.

  • Destilação fraccionada - para a separação dos componentes das misturas homogéneas líquido-líquido, recorre-se muitas vezes à destilação fraccionada. Ao aquecer a mistura num balão de destilação, os líquidos destilam-se na ordem crescente de seus pontos de ebulição e podem ser separados. O petróleo é separado em suas fracções por destilação fraccionada, tal como mostra na figura:
  • Cristalização (misturas homogéneas)

Quando se deseja separar um componente sólido de uma solução líquido-sólido, pode deixar-se evaporar o líquido até que a solução fique saturada. A partir desse momento, o sólido ir-se-á separando em cristais. Pode-se acelerar este processo aumentando a temperatura e o contacto com o ar. Os cristais húmidos podem ser secados com um papel de filtro ou numa estufa, ou por filtragem ou decantação, quando a quantidade de líquido for muito grande.


A flotação consta em separar misturas heterogêneas sólidas com densidades diferentes através de uma densidade intermediária, nesse caso o mais comum e mais utlizado, é a água. A flotação é um método de separação de misturas. Trata-se de uma técnica de separação muito usada na indústria de minerais, na remoção de tinta de papel e no tratamento de esgoto, entre outras utilizações. A técnica utiliza diferenças nas propriedades superficiais de partículas diferentes para as separar. As partículas a serem flotadas são tornadas hidrofóbicas pela adição dos produtos químicos apropriados. Então, fazem-se passar bolhas de ar através da mistura e as partículas que se pretende recolher ligam-se ao ar e deslocam-se para a superfície, onde se acumulam sob a forma de espuma. Resumindo, a flotação é um processo de separação de sólido-líquido, que anexa o sólido à superfície de bolhas de gás fazendo com que ele se separe do líquido do sólido.


A catação é um tipo de separação de misturas do tipo "sólido-sólido". As substâncias são separadas manualmente e pode utilizar uma pinça, colher, ou outro objeto auxiliador para a separação. É utilizada na separação de grãos bons de feijão dos carunchos e pedrinhas. Também é utilizada na separação dos diferentes tipos de materiais que compõem o lixo como vidro, metais, borracha, papel, plásticos que para serem destinados a diferentes usinas de reciclagem. metodo basico no diferente de tamanho e de aspctos visiveis das particulas de uma misturas de solidos granulados.Um dos solidos é retirado com pinças ou com as mãos.

EX:mistura de feijão e impurezas

  • Separação por sublimação (misturas heterogéneas)

A sublimação é a passagem directa de sólido a gás que sofrem algumas substâncias como o iodo, em determinadas condições de pressão e temperatura. A sublimação pode-se aplicar às soluções sólidas e às misturas, sempre uma das substâncias possa sofrer este fenómeno. Basta aquecer a mistura ou solução à temperatura adequada e recolher os vapores que, quando arrefecem, se vêem submetidos a uma sublimação regressiva, ou seja, passam directamente de gás a sólido.

Levigação é um método de separação de misturas heterogêneas de sólidos. Quando uma mistura se forma por substâncias sólidas de densidades diferentes, pode-se utilizar uma corrente de água para separá-las. É o caso do ouro, que nos garimpos normalmente é encontrado junto a uma porção de terra ou areia.Usa-se uma rampa de madeira ou uma bacia em que se passa uma corrente de água que serve para separar essas substâncias.

sexta-feira, 26 de março de 2010

Nossos Queridos Mestres

Aos Professores

As bolas de papel na cabeça,
os inúmeros diários para se corrigir,
as críticas, as noites mal dormidas...
Tudo isso não foi o suficiente para te
fazer desistir do teu maior sonho:
Tornar possíveis os sonhos do mundo.
Que bom que esta tua vocação tem
despertado a vocação de muitos.
Parece injusto vocês serem felizes
todos os dias,quando em seu dia-a-dia
tantas dificuldades acontecem.
A rotina é dura, mas você ainda
persiste. Teu mundo é alegre, pois
você consegue olhar os olhos de todos
os outros e fazê-los felizes também.
Você é feliz, pois na tua matemática de vida,
dividir é sempre a melhor solução.
Você é grande e nobre, pois o seu ofício
árduo lapida o teu coração a cada dia,
dando-te tanto prazer em ensinar.
Ser Mestre Tarefa difícil, mas não
impossível, tarefa que pede sacrifício
incrível! Tarefa que exige abnegação,
tarefa que é feita com o coração!
Nos dias cansados, nas noites de
angústia, nas horas de fardo, de
tamanha luta, chegamos até a questionar:
Será, Deus, que vale a pena ensinar?
Mas bem lá dentro responde uma voz,
a que nos entende e fala por nós, a voz
da nossa alma, a voz do nosso eu:
- Vale sim, coragem! Você ensinando,
aprende também. Você ensinando,
faz bem a alguém, e vai semeando
nos alunos seus, um pouco de PAZ
e um tanto de Deus! Homenagens,
frases, certamente farão parte
do seu dia a dia e quero de forma
especial, relembrar a pessoa
maravilhosa que você é e a importância
daquilo do seu ofício. É por isto que
você merece esta homenagem hoje e
sempre, por aquilo que você é e por
aquilo que você faz.

Autor desconhecido













Uma mistura: é constituída por duas ou mais substâncias puras, sejam elas simples ou compostas. As proporções entre os constituintes de uma mistura podem ser alterados por processos químicos, como a destilação. Todas as substâncias que compartilham um mesmo SISTEMA, portanto, constituem uma mistura. Não se pode, entretanto, confundir misturar com dissolver. Água e óleo, por exemplo, misturam-se mas não se dissolvem. Isso torna o sistema água + óleo uma mistura, não uma solução. Misturas Azeotrópicas: ão misturas em que o ponto de ebulição não se altera, em temperatura constante, comportando-se como um composto químico ou um elemento. Esse tipo de mistura acontece quando o ponto de ebulição atinge o patamar.É muito comum entre líquidos.


Misturas Eutéticas: são misturas em que o ponto de fusão dos elementos que a compõem são maiores que o da mistura eutética. Isso é muito comum em misturas entre metais.

quarta-feira, 24 de março de 2010

meu mais falorozo violino



VIOLINO

Vem ser meu arco,
Meu dó maior,
O Si que não abarco
Na pauta da dor!

E na sinfonia da cor,
No azul do arco íris,
Saberei maior
A música que quis.

E subirei contigo
Uma escala brilhante
Numa valsa de amigo,
De amor ou de amante...

Quero ser teu violino,
Gemer em tua mão,
Soluçar um hino
Em forma de confissão!

E quando teus dedos
Solicitarem minhas cordas,
Serão os meus segredos
O que tu acordas!

E bem perto de teu rosto,
E bem perto de teu peito,
Arderei de fogo posto
Por tuas mãos e meu jeito.

E o que subirá no ar,
Resultado da combustão,
Será o que sobrar
Desta minha paixão!

Entranhar-se-á na tua pele,
Misturar-se-á contigo,
Numa fusão que sele
Teu prémio e meu castigo.

Vem tocar tua sinfonia
Em meu corpo que espera,
Em notas de alegria
Em ânsias de fera!

E verás, meu belo músico,
Que a música por ti tocada
É alegro em que fico,
Se bem executada
!












domingo, 14 de março de 2010

§Medite!! Fique no Zen!!E Salve No Seu Coraçao§



A VIDA

Vida... quantas vidas nós vivemos, uma hora aqui, outra hora ali, onde aqui sempre permanecemos cheio de vida apenas de seres... Seres da terra, do fogo ou da água... somos apenas substâncias da terra. Se entre células vivemos... na mente nós morremos, e é a única certeza que não se volta mais... nem mesmo em outras vidas; "A memória" Quantos corpos já fomos... Quantas matéria... Se tudo é que vai e vem... quantas vidas já passamos. Da alma ou espírito, só no pensar de cada um, ou apenas uma crendice. Pois o Deus Pai está no coração de cada um onde faz permanecer só o bem. Da substância da Terra, onde existe também o mal que se faz até a bomba, essa mesma substância através das moléculas que também faz um ser humano ruim... tão ruim que é capaz de se matar a si mesmo... Onde destas mesmas células nasce doenças, umas até incuráveis como o câncer. Somos do pó, somos parte de toda a terra... Somos parte terrestre,do fogo ou do mar, onde há o sol e toda essa existência... onde há vida, o vento e os seres vivos. E somos parte de uma natureza... a linda natureza que se faz a vida acontecer... Onde a única prova desta existência sem mais dúvida alguma é a prova através das pesquisas... apenas pesquisas onde ninguém acredita que nascemos e morremos... E assim permanecemos sem saber, o que fomos, e que somos... onde a única certeza e na realidade, o que deveríamos acreditar apenas é que estamos sempre aqui.

Sérgio Gibim Ortega

§Medite!! Fique no Zen!!E Salve No Seu Coraçao§




Insanidade Consciente:
Os loucos são os melhores. Abençoados são eles. Fazem maravilhas acontecerem, criam belíssimas cenas em qualquer circunstância. Vivem da melhor forma possível; Vivem. Que fascinante é a loucura. A loucura que faz alguém viver sem razão e morrer pelo coração. Doce loucura que embriaga os amantes, envenena os moralistas e faz qualquer um perder a cabeça quando a vista se encontra o lindo rosto de quem se ama; quando ao longe sente o perfume de quem deseja. Felizes são os loucos que vivem intensamente. Feliz me encontro no momento; louco por você.